Torre Oeste

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

Torre Oeste

Mensagem por Elizabeth H. Völker Lewis em Sex Maio 11, 2012 4:09 pm


Torre Oeste

    A Torre Oeste é uma das várias torres do castelo. O corujal fica no topo da Torre Oeste.






avatar
Elizabeth H. Völker Lewis
Administradores
 Administradores

$ Galeões : 21742
Mensagens : 314
Data de inscrição : 08/05/2012
Idade : 27

Perfil Bruxo
Varinha: Faia, 26 cm, núcleo de cabelo de veela
Curso:
Semestre:

Ver perfil do usuário http://institutovolker.forumeiros.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Torre Oeste

Mensagem por Convidado em Qua Mar 06, 2013 8:07 pm



Fire


Aquilo que havia ocorrido no baile havia sido um desastre, estava cheio de ódio. Corro para fora dali, sem ter uma direção definida, tiro minha fantasia e jogo ela em qualquer lugar. Saio correndo pelas escadas, sempre para o alto. As lágrimas brotavam dos meus olhos, lágrimas de raiva e tristeza por ter sido o culpado de tudo. Entro na torre empurrando a porta com força e chuto o que tem pela frente. Grito, estravazando a raiva e limpo as lágrimas. Respiro fundo, tentando padronizar meus pensamentos. "Vai ficar tudo bem Seto..." repetia mentalmente para eu mesmo. Após alguns segundos olhando para o nada, me sento no canto da parede, e fico ali parado. Não tinha a menor vontade de sair dali.


Template feito por Zafrina - TPO

Convidado
Convidado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Torre Oeste

Mensagem por Convidado em Qua Mar 06, 2013 8:42 pm



Depois da Festa!
Um ombro amigo...
And i don't even know what But he's coming for you, yeah he's coming for you All the other kids with the pumped up kicks You better run, better run, outrun my gun All the other kids with the pumped up kicks You better run, better run faster than my bullet


Ao sair do baile, eu fui me senti sem sono, e como todos ainda estavam acordados, fui caminhar pelos corredores da escola. Cheguei até uma das torres. Estava silencioso, quando comecei a subir. Queria ficar sozinha, assimilar tudo o que acontecera naquela noite, com Lohan, com o gêmeo. Meus pensamentos foram interrompidos por um grito de timbre conhecido. Subi as escadas correndo para saber o que estava acontecendo. Minha mãe me deixaria de castigo, por eu ter chances de estar correndo perigo. Mas não arriscaria deixar um amigo em risco. Quando cheguei, era o Sebastian. Ele estava surtado, e eu não sabia bem como reagir. Ele estava chorando descontroladamente. Meu pai me ensinara um dia, que um abraço tem efeito calmante. Corri pra perto dele e o abracei. Já fazia uma ideia do motivo da crise. Apertei o abraço e tentei acalmá-lo.

- Calma, meu amigo. Vai ficar tudo bem ... Eu estou aqui. Calma ..



Thanks Tess

Convidado
Convidado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Torre Oeste

Mensagem por Convidado em Qua Mar 06, 2013 9:02 pm



Fire


Meu ataque foi subitamente interrompido por um abraço que eu definitivamente não esperava. Deixo os braços parados, tentando assimilar o que acabara de conhecer, até que ouço uma voz familiar e fecho os olhos, mais calmo. A abraço forte e respiro fundo. - Sam... - naquele momento senti uma vergonha esmagadora. Vergonha por ela ter me visto chorando, vergonha por causa do que fiz no baile. Vergonha por ter feito a Ari chorar... eu não sabia o que falar. Apenas a abracei forte, Sam era uma das poucas pessoas com quem eu mantinha amizade, ela sabia como me acalmar. - Só faço besteira...


Template feito por Zafrina - TPO

Convidado
Convidado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Torre Oeste

Mensagem por Convidado em Qua Mar 06, 2013 9:18 pm





I don't belong here


Após sair do Baile, Minos seguiu um tempo com Rebekah, ate que se despediram e cada um seguiu para seu caminho. O moreno perambulou pelo castelo, aproveitando o fato de que, esse era um dos poucos dias que se podia andar no mesmo a noite.

Seguindo seus pés ele chegou ate a torre Oeste, a torre mais alta da Escola. Seria bom pegar um pouco de ar. Caminhou lentamente pelos degraus de pedra, ate que escutou duas vocês, uma parecia estar triste ou chorando. Isso o fez se sentir mal. Não por quem estivesse chorando, mas por si mesmo. Toda aquele encenação ridícula de ir a um baile.

Finalmente chegou onde estavam os dois, ali estava Sam, a menina que o cumprimentara mais cedo, e Sebastian um corvino, que havia se declarado para uma menina e o pai dela havia visto bem na hora em que Minos procurava um motivo de sair do baile. Engoliu em seco e disee. - Boa noite. - Os cumprimentou.

Seguiu ate o lado dos dois e se sentou, deu dois tapinhas no ombro do menino. - Não se preocupe, tudo dará certo. - O encorajou. Sentiu-se feliz por suas palavras saírem mais confiantes que ele, neste momento Minos se sentia com raiva de si, estava se comportando como um lufuno sangue-ruim e não como um sonserino sangue-puro.


Convidado
Convidado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Torre Oeste

Mensagem por Convidado em Qua Mar 06, 2013 9:29 pm



Depois do Baile!
Um ombro amigo ...
And i don't even know what But he's coming for you, yeah he's coming for you All the other kids with the pumped up kicks You better run, better run, outrun my gun All the other kids with the pumped up kicks You better run, better run faster than my bullet


Me assustei com o desespero em que Sebs se encontrava. Quando ele chamou meu nome, e retribuiu o abraço, eu sabia que ele estava se acalmando mais. Ele não parava de lamentar o episódio do baile. A ceninha de ciúmes do tio Henry havia sido no mínimo ridícula. Um ou outro "Calma, vai ficar tudo bem." foi dito por mim, até que os soluços parassem pelo menos um pouco. Foi quando ainda abraçada a ele, eu ouvi um "Boa noite". Virei a cabeça e meu coração disparou. A figura de olhos incrivelmente azuis materializada ali. Ela o viu novamente. Estava escuro. Quando ele se aproximou do meu amigo e disse que ia ficar tudo bem, eu tive certeza que não se tratava de Lohan.

- Sebs, foi só uma ceninha tosca de ciúmes por parte do meu tio. A Ari te ama, e vai ficar do seu lado. Ele vai ter que se acostumar com o fato de a filha dele não ser mais um bebê.

Eu era firme no que dizia. Estava convicta. Foi quando me virei para Minos e disse:

- Perdido por aqui, ou também queria fugir do baile ?

Sorri simpática, esperando que ele não fosse como o irmão.


Thanks Tess

Convidado
Convidado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Torre Oeste

Mensagem por Convidado em Qua Mar 06, 2013 9:41 pm



Fire


Não sabia que quando a coisa ficava feia, ombros amigos apareciam assim do nada. Limpo minhas lágrimas e dou um sorriso para o sonserino que havia acabado de aparecer, embora fosse meio estranho um sonserino agir assim, mas não podia generalizar todos os sonserinos. Limpo minhas lágrimas e sorrio para Sam. - Ok... eu só, fiquei sem chão por um tempo... obrigado Sam. - agradecia por ter encontrado ela em meio a tantos alunos fúteis de Hogwarts. Mas agora pensando bem, até que o pai de Ari não havia agido errado... não tão errado. Era apenas uma proteção para a pequena dele. - Mas o que mais me doeu foi ver a Ari chorar, eu... eu devia ter me segurado, mas não dá para voltar atrás, e daqui a pouco irei na sala do pai dela... vai ser tenso, mas enfim. Obrigao a vocês dois por isso, sei que não sou a pessoa mais simpática do mundo, mas saibam que sou um corvino anto social e de confiança.


Template feito por Zafrina - TPO

Convidado
Convidado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Torre Oeste

Mensagem por Convidado em Qua Mar 06, 2013 9:56 pm





I don't belong here


Aparentemente todos estavam ali pelo mesmo motivo, fugindo do baile, seguindo algum instinto racional de não se socializar com outras pessoas que não compactuavam de mesmas visões. Ou realmente só estavam fugindo do baile.

Após um ligeiro tempo de consolo Sebastian já parecia estar melhor, então Sam perguntou dirigiu a palavra ele. - Prefiro a companhia de meus pensamentos, ante a de centenas de pessoas. Principalmente se são pessoas de baixas castas. - Disse a ela, nesse momento seu lado sonserino estava com toda a força.

Minos possuía todas as qualidades de um sonserino, principalmente a magnificência, mas isso o impedia de falar com outras casa, a não ser que fosse da Lufa-Lufa, essa casa em questão simplesmente dava nojo a ele. - Qual foi o seu motivo Sam? De sair do baile? Meu irmão te machucou de alguma forma. - Cada palavra era dita com um toque de veneno, mesmo que não fossem em doses letais.

Sentia falta de ser livre. Sacou a varinha e ficou brincando com a mesma, queria poder pegar uma vassoura e voar noite a fora, um sorriso brotou sobre sua face. Uma ideia louca, e que provavelmente ninguém iria querer compactuar, mas ele iria mesmo que fosse sozinho. Quando pensou em dizer, percebeu que Sebastian iria a sala do vice diretor. - Realmente encarar o Superman lá não será fácil. Vocês reparam que ele chegou voando, digo literalmente voando no baile? - Disse.


Convidado
Convidado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Torre Oeste

Mensagem por Convidado em Qua Mar 06, 2013 10:49 pm

Depois do Baile!
Um ombro amigo ...
And i don't even know what But he's coming for you, yeah he's coming for you All the other kids with the pumped up kicks You better run, better run, outrun my gun All the other kids with the pumped up kicks You better run, better run faster than my bullet


Ele finalmente havia se acalmado. Sim, ele tinha exagerado na demonstração de amor, mas também não era o fim do mundo. Ele iria se recuperar bem, embora estivesse com medo visível de encarar a sala do vice-diretor. Eu tive vontade de rir, imaginando meu amigo de um lado, e meu tio do outro, tendo uma DR interminável e terminando com a permissão e todos satisfeitos.

- A Ariella vai ficar bem. Ela é sensível, mas supera. Você é o primeiro namorado dela. É natural que fique nervosa. Assim como meu tio, percebendo que envelheceu e a filha cresceu. Você não vale muita coisa, mas é um dos poucos aqui de quem eu gosto.

Tentei sorrir, para descontraí-lo um pouco. A resposta de Minos a minha pergunta me fez crer que ele se parecia mais com a gente do que imaginava. Talvez não fosse tão fútil como os outros colegas de casa. Depois ele voltou a pergunta para mim

- Embora o esporte do seu irmão seja me irritar, ele não tem o poder de me machucar de forma nenhuma. Eu não queria nem ir, pra começar. Então, digamos que sair de lá foi um alívio.

Depois mais um comentário extra foi feito por parte de Minos. Eu ri, e fiz piada com Sebs.

- O titio adora causar. Sebs, só por garantia, leve uma criptonita.

Terminei rindo da minha própria piada.


Thanks Tess

Convidado
Convidado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Torre Oeste

Mensagem por Convidado em Sab Mar 09, 2013 9:59 am



Fire


Ri ao ouvir a piada sobre criptonita e sobre o fato dele chegar voando. Ela sabia bem como me fazer rir. Ouço ela dizer que não valho muita coisa. - Obrigado, eu acho. E eu não vi quando ele chegou... mas ainda bem que não usou sua visão laser em mim, quem dera houvesse alguém de Lex Luthor ali... - Ariella era sim sensível. Mas eu não queria fazer algo que a incomodasse, eu só... queria fazer algo além de burradas, mas como não dá para voltar atrás, o jeito seria ter que recomeçar tudo de novo. - Sim... eu sei bem como ele é, devia ter imaginado que ele veria isso. Mas vendo pelo lado bom, eu adiantei o nosso encontro que achei que nunca iria acontecer. Ele deve estar me esperando na sala dele, mas não irei agora... vou esperar a poeira abaixar um pouco. Em compensação Ariella deve estar lá sozinha e encarando a fera. Mas vamos esquecer isso por um momento. Nós temos um corvino, uma grifina, e um sonserino no mesmo local, e ainda não houve discussões ou mortes, bom... isso não é coisa que se vê todo dia. Me diga, sonserino... como é ter um irmão gêmeo?


Template feito por Zafrina - TPO

Convidado
Convidado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Torre Oeste

Mensagem por Convidado em Seg Mar 11, 2013 5:16 pm





I don't belong here


De certo modo entendia o que o corvino passava, mas todo o drama adolescente estava o deixando irritado, afinal ele era um sonserino e não era muito fã desse tipo de comportamento, viera apenas ver como Sebastian estava e não ficaria ouvindo lamúrias por isso.

A sessão de piadinhas havia sido iniciada, então tudo significava que estava bem, quando ele virou o alvo da conversa, primeiro com Samantha. - Lohan é um tanto quanto inconveniente, mas digamos que irritar alguém é um dom congênito. - Dizia de um modo irônico e debochado. Que provalmente iria irritar a grifina, mas ele pouco se importava.

Após falar, Sebastian pareceu que ligou um rádio interno e desembestou a falar, ate que novamente ele se tornou o alvo do assunto. Minos buscou as palavras certas para responder a pergunta de Sebastian. - Bem digamos que na maioria das vezes é um saco, mas tem lá suas vantagens. - Olhou em seu relógio, já estava começando a ter sono, espreguiçou-se. - Eu vou indo nessa, ate mais para vocês. - Disse e seguiu seu caminho para a Sala Comunal.

ENCERRADO

Convidado
Convidado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Torre Oeste

Mensagem por Convidado em Qua Mar 13, 2013 10:50 am

Depois do Baile!
Um ombro amigo ...
And i don't even know what But he's coming for you, yeah he's coming for you All the other kids with the pumped up kicks You better run, better run, outrun my gun All the other kids with the pumped up kicks You better run, better run faster than my bullet


Aquele momento era no mínimo pitoresco. Três personalidades completamente opostas lidando uma com a outra, e sem se agredir. Sebastian contava entre uma ou duas lamúrias sobre sua experiência no baile mais cedo. Sim, eu até concordava que tinha sido constrangedora, mas nem era pra tanto. Quando ele perguntou ao Minos como era ter um gêmeo, eu engoli em seco, imaginando como ele e Lohan eram diferentes. Ele falou qualquer coisa sobre o assunto para o Sebs e saiu. Depois disso, eu parei na frente do meu amigo, o segurei pelos ombros e disse:

- Olha bem pra mim e presta atenção. Eu sei que foi constrangedor, mas daqui uns meses, você vai olhar pra isso e vai rir, junto com a Ari. Então levanta daí, sacode a poeira, pega a cryptonita e vai enfrentar o tio Henry. Como vice- todo poderoso, ele não pode te punir, porque você não fez nada demais. Aqui ele não é pai da Ariella, então vá e defenda esse amor que diz sentir. Eu vou voltar pro dormitório, e você vai se recompor e encarar seu problema, antes que eu me estresse e te mate com minhas próprias unhas, entendeu bem ?

Sorri para ele, a fim de encorajá-lo. O abracei forte. Ele era um amigo querido. Me despedi e saí dali em direção ao salão comunal.

ENCERRADO


Thanks Tess

Convidado
Convidado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Torre Oeste

Mensagem por Conteúdo patrocinado


Conteúdo patrocinado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum