Sala do Vice-Diretor

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

Sala do Vice-Diretor

Mensagem por Elizabeth H. Völker Lewis em Sex Mar 08, 2013 10:50 pm

Sala Vice- Diretor




avatar
Elizabeth H. Völker Lewis
Administradores
 Administradores

$ Galeões : 21332
Mensagens : 314
Data de inscrição : 08/05/2012
Idade : 27

Perfil Bruxo
Varinha: Faia, 26 cm, núcleo de cabelo de veela
Curso:
Semestre:

Ver perfil do usuário http://institutovolker.forumeiros.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Sala do Vice-Diretor

Mensagem por Convidado em Qui Mar 21, 2013 1:56 pm

Holy Shit
God, help me to keep my job

--------------------------------

Passar por aqueles muros novamente era o mesmo que ser mergulhado num mar sem fim de memórias, definitivamente o homem que entrava em Hogwarts agora, não era o garoto que veio quando tinha 12 anos, mas seria mentira dizer que toda aquela magia morreu, muito pelo contrário, boas memórias e alguns sorrisos, por cada canto do seu caminho ele parecia ser atingido por uma flecha certeira de recordações de cada aventura e desventura que passou por ali.

No entanto muita coisa mudou, de calouro à jornalista, alguns diriam que nada mudou, mas bem, pelo menos a barba cresceu, não é?! De passos em passos os momentos de nostalgia cessaram, estava ali para outros fins, incrivelmente profissionais por sinal. Entrevista marcada com um dos atuais responsáveis por Hogwarts, muito pouco sabia sobre o tal homem, até porque quando formou-se não se lembrava dele e em todo o caso, precisava de alguma matéria decente do mesmo jeito que precisava daquele emprego.

A gravata sufocante fora afrouxada, até porque a imagem de ser enforcado toda vez que aquilo incomodava era uma distração considerável. Três batidas na porta na porta de madeira que cheirava a verniz, alocado na parte superior da porta a identificação em forma de placa totalmente auto-sugestiva Sala Vice- Diretor, pelo menos não teria como errar o caminho. Esperaria autorização para que entrasse, sabe-se lá em qual tipo de burocracia em forma de pilhas de papel o homem poderia estar atolado.

Bran pigarreou e logo em seguida sua autorização fora promulgada. Um simples entre seria mais fácil de se engolir, mas o tom de voz e as palavras, ou talvez a aparência, qualquer coisa fazia parecer com que estivesse diante de um líder militar, no mínimo engraçado que ele e o irmão tenham tido a mesma impressão. Entrou na sala cuja decoração era de enriquecer os olhos e deixar qualquer renascentista pirado. Estendeu a mão. - Senhor Henry certo? Sou Bran Mandzukic do profeta diário, vim pela entrevista que havíamos combinado. É um prazer.
--------------------------------


POST 001
TAGGED Henry Vondervoort
WEARING Something Like That
MUSIC War Pigs - Black Sabbath
CODED BY: IG de SA


Convidado
Convidado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Sala do Vice-Diretor

Mensagem por Convidado em Qui Mar 21, 2013 2:56 pm



New Year, New Life
It's the moment of truth and the moment to lie
The moment to live and the moment to die
The moment to fight, the moment to fight!



Finalmente a primeira bateria de aulas havia acabado e Henry estava tendo um tempo em sua sala. Estava corrigindo alguns dos textos havia pedido em sua ultima aula. Um simples resumo sobre um capítulo do livro. Nada de mais, porem aos olhos dele os alunos do primeiro anos deveria aprender muito mais sobre, matérias trouxas do que bruxas. Já que alguns passam por enormes dificuldades em conseguir sintetizar qualquer forma de texto.

Perdido nos rolos e rolos de pergaminhos escutou uma leve batida na porta, antes de autorizar a entrada ele guardou todos os trabalhos, voltou levemente ate sua cadeira e se acomodou. - Entre. - Foi a unica palavra que saiu de sua boca. O bruxo entrou e se sentou. Henry tentou lembrar dele, mas era bem provável que, o mesmo tenha pertencido a outra casa e não a Sonserina, o que justificaria o fato de o mesmo não fazer parte da memória do vice-diretor.

Pode perceber que o homem olhava para ele de modo, como estivesse olhando para seu supervisor no serviço militar. - Não se preocupe, não sou extremamente rigoroso fora das salas de aula. Sr. Mandzukic, seu irmão deve ter comentado de mim para o senhor. - Afirmou, mesmo não tendo cem porcento de certeza sobre o fato.

O rapaz fez sua breve apresentação, Henry apenas balançou a cabeça para o mesmo, afinal o jovem estava iniciando sua carreira e Henry sabia que mesmo que não fosse tão mais velho que o bruxo a sua frente, é muito complicado saber como se portar no inicio, mas o jovem jornalista estava de modo correto. - Quando o senhor quiser começar. - Incentivou o mesmo. - Aceita um drink? - Perguntou para deixar tudo mais tranquilo.


Escutando: -
notes: -

thanks, baby doll @ EDVTF

Convidado
Convidado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Sala do Vice-Diretor

Mensagem por Convidado em Sab Mar 23, 2013 9:04 pm

Holy Shit
God, help me to keep my job

--------------------------------

Era verdade, pelo menos aparentemente não havia com o que se espantar, o vice-diretor de Hogwarts era um homem nobre, polido com as palavras e simpático o suficiente para manter as aparências, era verdade, foi difícil pensar em perguntas a se fazer para ele, mas a curiosidade humana, e bruxa, é como os maiores autores dizem ser, de uma criatividade infinita. Bran sorriu quando ouviu falar de Jakub, ou aquele homem era muito bom em gravar aparências ou havia visto algum brilho singular no Mandzukic caçula. - Meu irmão ainda é novo, chegou aqui logo depois de completar 12 anos, para ele tudo é uma aventura, muito maior do que verdadeiramente é. - certamente a mente infantil via tudo de formas diferentes, porquê não ver o professor como o próximo Hitler ou Mussolini? Mas deixemos observações sobre infantilidade de lado.

Sentou-se numa cadeira onde poderia ficar bem de frente com Henry, recusou a bebida educadamente e com a velocidade de um batedor de carteiras sacou um pergaminho e um penacho. - Bom, vamos lá então... - pigarreou e coçou o queixo, olhou para a folha e criou a ordem de perguntas mentalmente. - Imagino que você goste de trabalhar por aqui né?! Mesmo vindo de outra instituição, como tá sendo a experiência de ser o segundo em comando na direção de Hogwarts? - perguntou enquanto encantava o penacho para que escrevesse sozinho a resposta. Apenas aguardou.
--------------------------------



Convidado
Convidado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Sala do Vice-Diretor

Mensagem por Convidado em Seg Mar 25, 2013 11:03 am



New Year, New Life
It's the moment of truth and the moment to lie
The moment to live and the moment to die
The moment to fight, the moment to fight!



O fato de Henry pedir em suas aulas para que todos os alunos se apresentassem, era referente ao fato de que ele, gravava os nomes dos alunos, para mais tarde quando a hora chegasse cada um deles, ou melhor dizendo aqueles que se destacassem receberiam um convite especial. E uma coisa era certa, seria muito provável que o pequeno Jakub, recebesse um desses convites. - Vamos dizer que, por hora, seu irmão é um dos melhores da classe. - Foi a única coisa que disse.

O jornalista negou o drink, é claro que Henry não achou ruim, mas por vir de uma família cheia de requinte e regras de etiqueta sabia que não se negava um drink, e que caso você não bebesse ou não pudesse beber, deveria se pedir uma água. Enfim o bruxo havia começado a falar.

Henry pensou bem no que iria responder. - Eu adoro trabalhar aqui, adoro fazer o que faço. - Deu a primeira parte da respostas. -Realmente senti um pouco de diferença ao vir da Durmstrang para cá, visto que, estudei aqui ate meu quinto ano e depois fui transferido para a Durmstrang, lá eu me adaptei rapidamente, terminei os estudos e comecei a lecionar lá mesmo. Após alguns, poucos, anos eu voltei para Hogwarts. Estou aqui a seis anos, fui nomeado vice-diretor no inicio do ano. A experiencia de trabalhar aqui é magnifica, a diversidade, tanto entre o corpo docente como no discente, é enorme. - Explicou.

Ele não iria dizer que preferia a supremacia ariana de sangues puros, afinal poucos sabiam que ele tinha essa veia "Hittlerista". E isso também não ficou visível para o jornalista, já que Henry mantinha a mesma expressão educada. - E em relação a experiencias em minhas funções aqui, além de professor, já fui diretor da Sonserina e agora larguei a diretoria da casa pra assumir a Vice-Diretoria da Escola. - Novamente parou para pensar. - Por mais que tenha essa divisão entre os cargos, Lola e eu, dirigimos a escola em igualdade. Como se fossemos uma dupla de direção. E eu tenho total confiança em minha concunhada, para exercer o cargo mais alto, e arrisco dizer, mais importante do mundo bruxo. - Falou a ultima frase e esperou o que o jornalista perguntaria na próxima.


Escutando: -
notes: -

thanks, baby doll @ EDVTF

Convidado
Convidado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Sala do Vice-Diretor

Mensagem por Convidado em Seg Mar 25, 2013 6:41 pm




Chuva de Notícias



Meados de outubro. A tarde estava gélida e sombria. Susan se encontrava em seu refúgio pessoal, como seus companheiros de casa haviam apelidado seu quarto. A mulher estava satisfeita com o fato de ter alugado os quartos que certamente vazios, tornariam a casa ainda mais sombria e perturbadora. Os dias estavam sendo difíceis, e sua saúde há um tempo andava debilitada. Os constantes picos de mal estar a atormentavam a cada vez com mais intensidade. Deitada em sua cama, olhos perdidos na imensidão de seus pensamentos. Um filme passava por sua cabeça. Os primeiros dias de aula, como eles haviam se dado, os novos e sedentos alunos que em maioria odiavam sua aula, e finalmente, ele. O bar, as bebidas, os beijos, e um sedento pelo outro. O baile, os olhos verdes que brilhavam de ciúmes da filha, a bebedeira que se repetiu depois dele, o castelo, até o momento em que finalmente ficaram acertados de que aquilo não tornaria a acontecer.

Os pensamentos da mulher foram interrompidos por mais uma onda de náusea e uma pequena sequência de palavrões mentalmente ditos enquanto se encaminhava até o banheiro. Se sentia fraca, indisposta. Ao chamar a governanta da casa, a mesma, experiente na vida, a fez uma chuva de desagradáveis indagações, até que veio com uma possível resposta através de um meio trouxa.

...

Susan agora cruzava os jardins de Hogwarts, pensando no próximo passo. A mulher estava atordoada com a notícia inesperada e surpreendente. Sentia muita raiva de si mesma por ter deixado a coisa chegar em tal ponto por um simples descuido. Sentia raiva do homem, pelo fato de ele também não ter se precavido. A bruxa não tinha a menor ideia sobre como proceder, ou o que pensar. A primeira e principal questão era: Ela queria um filho ? Enquanto caminhava pelos corredores refletia, e concluiu que sim. Mas não de um homem no qual ela teve apenas algumas aventuras sexuais, e que provavelmente não iria nem querer saber da ideia de ter mais um filho, e assim como ela, de uma pessoa que conhecera tão pouco.

Chegara nas masmorras. A sala do homem não era muito longe, ficava apenas a alguns metros da sala de poções. Parou em frente a porta, sem conseguir abrir, sem conseguir respirar. A tontura voltara. Ela fechou os olhos e respirou fundo, lentamente, a fim de se recuperar da onda de mal estar que insistia em estar presente.

- Ah não ! Agora não !

Dizia consigo mesma, contendo a ânsia, resultante de sua situação, com a sensação de encarar Henry e as consequências das teimosas bebedeiras. Pensara por uns momentos em como falar, no que iria falar, em como iria falar. Não chegara a nenhuma conclusão. A cabeça da mulher estava latejando por conta dos dilemas, o que a prejudicava ao raciocinar. Só via um jeito de falar aquilo e assim o faria, no impulso. Respirou bem fundo, abriu a porta e focou somente nos olhos verdes que vieram imediatamente de encontro aos seus. Susan já podia sentir as lágrimas começando a brotar em seus olhos literalmente atônitos e apavorados. Tomou fôlego uma última vez para dizer:

- Estou grávida.

Estava focada apenas nos olhos do homem, nos quais procurava algum tipo de segurança ou calma. Foi quando outro homem que só agora Susan reparara que estava no recinto, se virou para ela com olhar arregalado. Ela não o conhecia. Nunca o tinha visto. Tinha feições bem magras, e aparentava ser alto. A mulher ficou sem ação. Tudo o que escapou de sua boca foi um “merda!” em tom baixo. Seu queixo caiu e ela fitou o desconhecido com surpresa, e voltou seu olhar para Henry, praticamente gritando por socorro.



Convidado
Convidado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Sala do Vice-Diretor

Mensagem por Convidado em Qua Mar 27, 2013 1:54 am

Holy Shit
God, help me to keep my job

--------------------------------


Não era nada difícil trabalhar ali, digamos que tudo não passava do politicamente correto. Logo o pergaminho se enchia de anotações, palavras estratégicas e hiperligações, para todo repórter que se preza, meia história nunca é o suficiente. Bran permanecia sério e focado analisando qualquer informação que pudesse, um movimento purista certamente marcaria presença ali, naquela entrevista, mas ainda haveriam questões norteadoras mais necessárias. Mas as situações costumam brincar com os pobres homens que se tornavam sujeitos, simples atores e personagens.

Uma visitante ilustre entrou parecendo um furacão, um buraco negro sugando todas as atenções para si mesma. A pele clara combinava milimetricamente com os cabelos ruivos, um tanto agressiva demais para imagem que passava. Bran tornou-se a pensar, o encontro entre os olhares de Henry e a mulher dizia que havia muito mais e naquele instante de tempo em que a frase "Estou grávida." dançou pelo cenário num eco estrondoso o silêncio fez um barulho enorme. Provavelmente reação alguma sairia de imediato, nem mesmo quando ele encarou a mulher, momentos tensos diziam por si só, escassez de palavras e reações, um 'poker face' natural, ou um furo jornaslístico inesperado.

--------------------------------


POST 003
TAGGED Henry, Susan
WEARING Something Like That
MUSIC War Pigs - Black Sabbath
CODED BY: IG de SA



Convidado
Convidado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Sala do Vice-Diretor

Mensagem por Conteúdo patrocinado


Conteúdo patrocinado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum